É bastante comum que as vendas de fim de ano aumentem no mercado varejista do Brasil. Isso ocorre naturalmente devido às festas comemorativas desse período, como o Natal e o Ano Novo.

De acordo com a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), a expectativa de aumento em 2021 é de 4,9% até o fim do ano.

Apesar do crescimento tímido, tendo em vista todos os problemas socioeconômicos que o país enfrenta consequentes da Covid-19, existem algumas práticas que podem ajudar a alavancar as vendas de fim de ano.

Confira a seguir mais detalhes sobre as dicas que o Blog da Gráfica Recife separou para seu negócio decolar nessa reta final.

Como vender mais no final do ano?

Estar mais presente no digital, atender melhor seus clientes e capacitar a equipe são algumas das táticas para vender mais no final do ano.

Vendas no fim de ano crescem 4% em 2021
A Jornada do Cliente é um ponto crucial para melhorar as vendas de fim de ano (Foto: evanto elements)

1. Treine os funcionários

Se a demanda de clientes aumenta devido às festas de fim de ano, é comum ter também um crescimento na contratação de pessoas para auxiliar a equipe principal durante esse período. Vendedores, empacotadores e até caixas podem ser incorporados ao time de profissionais no varejo.

Por essa razão, é necessário capacitar todos os funcionários para atender o público da melhor maneira possível. Além de agilizar os atendimentos, uma equipe bem treinada vai saber tirar dúvidas, orientar os clientes e, claro, causar uma boa impressão da loja.

Então, invista em treinamento, cursos e especialização para toda a equipe. E sempre que possível, esteja presente na loja para observar os atendimentos e se for o caso orientar os profissionais. Assim, é possível ter um time afiado nas vendas e preocupado em atender bem o público.

2. Importe-se com o cliente

Facilitar a vida do cliente deve ser um mantra para sua empresa. Por exemplo, se você tem ou quer investir em um negócio online, busque opções de pagamento que atendam aos diversos públicos, como aceitar cartões de crédito e débito, boleto e até mesmo o pix.

Outro ponto a ser pensado, levando em consideração a experiência do cliente na compra, é a realização de entregas. Prazos curtos são perfeitos para quem deseja presentear alguém querido, mas só se comprometa se tiver certeza que irá cumprir com o combinado. Entregas fora do prazo geram clientes insatisfeitos.

Além de um bom atendimento, também é importante estar atento aos feedbacks dos clientes após a compra. Segundo uma pesquisa da Track, empresa especialista nas principais métricas de satisfação de clientes, 52,56% das empresas realizam o mapeamento da Jornada do Cliente.

Quem ainda não conhece esse termo não sabe a ferramenta poderosa que está perdendo para atrair consumidores e fidelizar clientes. A jornada é o caminho percorrido pelo consumidor durante toda a sua experiência com a marca, como ele se relaciona com todos os pontos de contato do serviço.

Apesar de parecer óbvio, alguns negócios ainda não estão levando em consideração o que o cliente pensa e sente através do contato com a empresa. No entanto, buscar melhorias através dos feedbacks dos consumidores é a melhor forma de conseguir se manter ativo no mercado.

3. Invista em embalagens personalizadas

As embalagens também são pontos de contato entre empresa e consumidor, por isso fazem parte da Jornada do Cliente e contribuem com o crescimento das vendas de fim de ano.

Fazer embalagens personalizadas com a identidade da marca ou customizadas de acordo com datas comemorativas causa uma boa impressão para os consumidores. Isso porque elas demonstram atenção e cuidado por parte da empresa.

Além disso, a escolha por caixas e sacolas de papel cria um laço entre clientes e empresas preocupados com o meio ambiente. Ao optar por embalagens recicláveis, a empresa acaba abraçando o público que compartilha dessa mesma preocupação.

Embalagens personalizadas podem aumentar a identificação do consumidor com a marca
Embalagens são pontos de contato da loja com o consumidor e por isso contribuem com a fidelização do cliente (Foto: Arquivo Gráfica Recife)

Na Gráfica Recife, você consegue fazer embalagens personalizadas para qualquer tipo de negócio, seja ele uma loja de roupas, delivery de comida oriental, fast food, restaurante etc.

4. Crie promoções e campanhas para seu negócio

Com a chegada do mês de novembro, as empresas passam a oferecer algumas ofertas aos clientes. Uma das campanhas mais conhecidas deste período é a Black Friday, que em alguns negócios já se tornou Black Week e até mesmo Black November.

Adotada inicialmente pelos ecommerces, a Black Friday logo ganhou espaço nas lojas físicas. Contudo, em pouco tempo, o público consumidor percebeu que algumas delas estavam utilizando descontos falsos durante a promoção. Com isso, o dia de ofertas acabou sendo apelidado de “black fraude”.

Apesar do ocorrido, a data vem ganhado prestígio nos últimos tempos e se consolidando como uma boa tática para aquecer as vendas de fim de ano no Brasil.

Então, para sua empresa garantir um bom faturamento nesse período, é preciso levar em conta alguns pontos. Primeiramente, coloque em prática a Jornada do Cliente, atendendo as necessidades do público e oferecendo um bom atendimento.

Em segundo lugar, ofereça suporte ao consumidor através de qualquer plataforma que ele utilizar. Por exemplo, faça o primeiro atendimento pelo WhatsApp, Instagram ou qualquer outra rede social, e depois encaminhe o cliente para o local da compra.

Por fim, mas não menos importante, esteja atento aos feedbacks e aprenda com eles. Essas métricas são importantes para medir a qualidade do seu serviço e servem como um norte para buscar por melhorias.

5. Trabalhe o marketing digital

Seja uma loja física ou um ecommerce, a presença no digital deve estar garantida. O que era um diferencial para as empresas, hoje se tornou uma necessidade básica para quem busca crescer no mundo dos negócios.

De acordo com uma pesquisa realizada pela We Are Social e a Hootsuite, existem 4,5 bilhões de usuários nas redes sociais. Essa estatística equivale a 62% da população mundial, então com certeza seu público-alvo está online.

Mas claro, para cativar o consumidor e depois torná-lo um cliente fiel é preciso percorrer um caminho de descobertas sobre o próprio negócio. Entre as etapas desse processo estão: conhecer o público, definir uma identidade visual e verbal, desenvolver uma linha editorial e criar conteúdos de valor.

Assim como a venda e o pós-venda, a relação do consumidor com a empresa através das redes sociais é mais uma etapa da Jornada do Cliente. Entender como conversar com o público e colocar essa comunicação em prática são atividades vitais para alavancar as vendas de fim de ano e para a manutenção do negócio.

Gostou das dicas do Blog da Gráfica Recife para aumentar suas vendas no fim de ano? Então, coloque todas em prática e garanta bons lucros para seu negócio!